Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A Família (im)perfeita

O dia-a-dia (im) perfeito de quem ama, e vive intensamente todos os dias, porque só assim faz sentido!

A Família (im)perfeita

O dia-a-dia (im) perfeito de quem ama, e vive intensamente todos os dias, porque só assim faz sentido!

O meu colo será sempre teu...

Olho para ti e penso como pode alguém ser cruel ao ponto de te magoar?

Como pode alguém despejar no teu coração frágil cheio de borboletas e arco-íris, uma mancha negra de dor.

Como pode alguém cuspir palavras cruéis e duras.

Como pode alguém ter a coragem de aproveitar a minha ausência protectora, para te minar o espírito e deixar-te à deriva.

Como pode alguém cortar a tua felicidade infantil e no mesmo instante lançar tudo o que tens de bom na lama. 

Como pode alguém classificar-te com adjectivos que sempre ouviste dizer que não se podem usar.

Como pode alguém em quem tu devias confiar, envergonhar-te em frente aos demais, deixar-te sem " chão".

Doí-me por dentro não ter estado lá, não te ter defendido na altura, não te ter pegado ao colo e mostrar-te na hora que nem todas as pessoas nos querem bem.

Doí-me por dentro pensar que não limpei as tuas lágrimas de tristeza naquele momento, de não te ter preparado para o lado mau dos adultos. 

Doí-me por dentro a tua dor, a tua vergonha, a tua fragilidade, a tua inocência...

Hoje um pouco de ti mudou, a vida mostrou-te à força que há pessoas que nos magoam deliberadamente, e que até os adultos podem ser tão cruéis e mesquinhos, incapazes de sentir amor, compaixão e acredito que nunca souberam o que é ser feliz.

Hoje mudamos as duas, tu curas a cicatriz e eu controlo a fúria capaz de levantar uma montanha, aos mesmo tempo que te limpo as feridas doridas!

Hoje estamos juntas, tu no meu colo e eu num abraço que não te quer largar, que te protegerá sempre que possível!

Hoje tu soltas um sorriso como se nada tivesse acontecido e eu sorrio para ti, mas por dentro jamais deixarei passar impune a violência das palavras e a frieza dos actos!

Hoje tu voltas a ser criança, feliz e de coração cheio de borboletas e arco-íris, e eu sou uma mãe com uma ferida aberta, com sede de justiça para não deixar passar  quem faz da sua vida a humilhação do outro!

Hoje para ti está tudo bem...e amanhã também vai estar...o resto são detalhes!

lpbs (3 de 3).jpg

lpbs (2 de 3).jpg

lpbs (1 de 3).jpg

 

1 comentário

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.